Trombose Venosa Profunda

Potencialmente grave, a trombose venosa profunda é causada pela formação de coágulos no interior das veias profundas geralmente localizadas nos membros inferiores que impedem o fluxo sanguíneo e ao se desprenderem migram para a circulação.

Classicamente o desenvolvimento da doença se dá por três fatores:

1. Diminuição do fluxo sanguíneo nas veias devido provocados em pelo uso de gessos, pacientes acamados ou que permanecem sentados por longa duração.

2. Alterações na coagulação do sangue, geralmente ocorre em pacientes com câncer ou com doenças genéticas raras.

3. Alterações na estrutura dos vasos sanguíneos em cirurgias ou pacientes vítimas de traumas.


SINTOMAS E DIAGNÓSTICO:
A trombose venosa profunda não apresenta sintomas específicos, na maioria dos casos os portadores apresentam dor, inchaço, calor e vermelhidão nas pernas e dificuldade ao caminhar. Em casos onde o trombo é pequeno a doença é assintomática. Na maioria dos casos suspeita da doença se dá por meio de exame físico detalhado necessitando o auxílio de exames como ultrassonografia Doppler, venografia ou tomografia computadorizada para a sua confirmação.
TRATAMENTO:
O tratamento da trombose venosa profunda visa evitar a formação de novos coágulos e promover a reabsorção pelo organismo do que já se formaram. Para isto, utiliza-se medicamentos anticoagulantes e recomenda-se a utilização de meia elástica. Em casos graves da doença, faz- se necessário procedimento cirúrgico ou infusão de medicamentos fibrinolíticos.